Poema

Barra Mansa querida! - Eliana Neri

Barra Mansa querida!

Qual a idade de um sonho?
Qual a real idade de uma cidade?


A idade dos homens não é igual dos animais,
Os cães vivem menos e as tartarugas mais.

Tudo tem um tempo, tem um plano,
Muitas verdades escondidas debaixo do pano.

Qual a idade de um sonho?
Qual a real idade de uma cidade?
Não é fácil precisar se como medida
Considerar trabalho, dor e felicidade.

Mas hoje, hoje é dia de comemoração!
Então vou imaginar com emoção,
Que ainda somos crianças, eu e a cidade,
E brincar com bolinhas de sabão.

Vou reforçar os laços que nos une
Com minhas mãos
Com meus braços, simbolicamente te abraçar,
E com minha voz gritar:

Salve! Salve!
Barra Mansa querida!